Quem foi que te disse que seu evento presencial foi um sucesso?

Você tem sido paparicado ou prestigiado? Sim, existe uma importante diferença entre os dois. Muitas vezes, seus eventos presenciais podem ter preparações grandiosas e cheias de elogios, mas não significa que este formato seja eficiente e relevante para o propósito do seu negócio. Em uma era tão inovadora, a beleza de uma decoração e a conformidade de um evento presencial podem oferecer desvantagens enormes para os que buscam o sucesso no mercado.

É comum que você tenha relutância quanto a sair da tranquilidade dos eventos presenciais. A maioria das pessoas tem receio de promover eventos online porque não pertencem à geração que nasceu conectada e não dão tanta credibilidade ao mundo digital. Por isso, é imprescindível que você perceba que a ruptura entre o analógico e o digital já aconteceu há muito tempo e você não pode continuar perdendo tempo sem explorar um mercado tão promissor.

Além do mais, é importante ressaltar a questão da variedade de opções de eventos e os seus feedbacks. Perceba que a internet é justamente a facilitadora desse retorno, já que os participantes, ou consumidores de conteúdo desse tipo, tendem a se sentir mais confortáveis a fazerem comentários construtivos e sinceros no formato online. O que pode assustar alguns, com receio dos famosos “haters” – que na verdade são uma importante ferramenta de aprimoramento.

O sucesso de um evento online se baseia no retorno de quem mais interessa: os participantes. Tudo é medido com os dados coletados e, a partir deles, que se averigua se o evento foi relevante para o público, como ele contribuiu para a solução da questão proposta pela sua idealização e mais, o que pode ser melhorado por meio dele. Com este tipo de planejamento, o seu participante pode ter uma participação mais ativa durante o evento e, assim, ele pode ter a chance de contribuir para a imagem da sua marca, percebendo o quão memorável se tornou a experiência proposta pelo seu negócio. A apresentação de dados relevantes é, portanto, o melhor argumento para compreender sobre a qualidade de um evento online, pois ele é concreto, não subjetivo.

Um evento presencial costuma ser baseado em expectativas. Os seus resultados são indicados por estimativas, indicadores estatísticos baseados em amostras e taxas padrão. Por exemplo: suponha que uma feira de vendas tenha emitido 1000 ingressos, dos quais 900 foram vendidos. Caso tenha uma palestra ou show neste evento, a estimativa é de que 90% do público tenha comparecido e prestigiado o show. Neste cenário, ainda é possível validar o comparecimento verificando o credenciamento no acesso ao evento, mas é possível garantir que todos prestigiaram o show.

Já em um evento online, temos a opção de rastrear cada participante e indicar se ele realmente acessou o ambiente do show durante a atividade e por quanto tempo ele permaneceu lá, em quantos estandes da feira passou, quantos negócios realizou, quanto tempo ficou no evento e muito mais.

Consegue perceber que as informações e retornos são concretos? A sociedade está acostumada com o presencial, que atinge o seu propósito. Assim como telefones públicos serviram algum dia ou agendas de papel eram ótimas para anotar o número de outras pessoas.

A ruptura com costumes enraizados é difícil e as mudanças podem gerar inseguranças no começo, mas o sucesso proporcionado por elas é visivelmente reconhecido.

E aí, vamos engajar?!

Produção de Conteúdo:
PROTIVA COMUNICAÇÃO
Texto: Sarah Farias
Revisão e Edição: Flávio Resende
Data: 26/01/2021

A Ekoá Jogos e Gamificação tem como propósito elevar a realidade das empresas colocando as pessoas no centro da experiência.

Criamos experiências que fundem o mundo físico e o digital de forma a promover o engajamento e atingimento de objetivos corporativos.

 

 

 

 

2021-01-27T18:47:16-03:00